12.3.13

Tudo pode ir. Todos podem ir, menos tu. Tens de ficar, perto ou longe. Porque já não arranjo forças para te dizer de outra forma. Por mais que se passe, lembra-te todos os dias o porquê de estarmos juntos. Não interessa o que virá, nem o que foi, tens de mudar o hoje. Eu amo-te, e já devias ter percebido isso.

3 comentários:

Inês disse...

Gostei :)

Madalena Mourisca disse...

mau era também se não tivesse percebido!

disse...

lindo lindo lindo