1.11.11

O mês onde a todos os sítios me levou para ir dar ao teu caminho, chegou. Falava em novembro há uns belos meses atrás - como o tempo passa - sobrevivi e amanhã será uma nova luta pela vida e por ti - mais uma, digo eu. Tanto se passou, tanto se desmoronou, tanto se caiu, tanto se chorou e tanto se ultrapassou. De sorriso na cara ou não, ainda consigo vir aqui escrever isto. É sinal que estou viva. Dou graças à mulher forte que me tornei, às minhas lições de vida e a minha força de vontade de viver por viver mais um dia. Dias são dias. Nunca iguais. Ao bocado, peguei no disco rígido e fui ver fotos - eu era assim? - perguntava eu - como o tempo passa. Não revivi maus momentos até porque estou sempre de placa de fora mas lembrar dos dias, do tempo que fazia, que sentimentos levava eu dentro de mim naquela altura - uma boa razão para termos máquina - apesar dos nossos olhos serem a nossa melhor memória. Apesar de tudo, de todos e de alguma coisa, estou aqui a torcer para que tudo me corra bem e espero eu, vir ter um futuro risonho. Já que és o meu mês de eleição, espero que faças bem melhor do que eu...e, não me tires o que tenho de mais preciso - ele. Obrigada e sê bem-vindo a casa.

12 comentários:

Maria Inês disse...

Ó princesa, não tens que agradecer. A sério (:

patricia meneses disse...

ohh, tão lindo :))

mimi disse...

maravilhoso chega para dizer o quanto gosto do teu blog? ou será que esplêndido? está bastante perfeito para palavras curtas! amei *-*

alice disse...

Muuuito obrigada <3 Eu digo o mesmo <3

Aurora disse...

mas porque não dava doce ?<3

mimi disse...

oh ainda bem que gostaste pequenina :) vou vir aqui visitar-me mais vezes *-*

inês disse...

Hei-de voltar. Prometo (:

Aurora disse...

oh, má:b

Soraia Loureiro disse...

gostei *

wendy disse...

blog lindo, tens mais uma abelhinha c:

raquel disse...

nos próximos dias eu digo o novo url :)

Madalena Mourisca disse...

será bem-vindo de certeza ;)