13.10.11

14, dono do meu coração

Quando chegaste, a porta do meu coração estava aberta só para pequenas visitas. Mas pelos vistos, a tua visita foi a mais longa e a porta acabou por fechar-se. Não saíste desde então. Se me admiro? Sim - muito. Se me arrependo? Não. Aliás, se não fosses tu a fecha-la, o coração jamais se importaria com outra visita inesperada e desde que aí vives, ele importa-se mais do que nunca. Estou feliz sabes? Ainda bem que não passaste de uma visita. Se ainda tivesse que esperar por ti, esperava até hoje ou mais. Só para perceberes que és a pessoa certa para mim.

2 comentários:

dianasousa disse...

LOVE IT.

joanarocha disse...

que bonito *-*